quarta-feira, 8 de junho de 2011

Você sabe?



De pouquinho em pouquinho, a gente se machuca.

Simplesmente por que a gente se doa, de bom grado.
E nem sempre as pessoas dão valor.
Nem sempre as pessoas sabem o valor...

Ártemis Rae

15 comentários:

  1. e é exatamente isso que sinto nesse momento!! adorei.

    ResponderExcluir
  2. Ártemis.. lindo, apaixonante e intenso o seu cantinho.
    Você escreve com a alma, e eu adoro gente assim!
    Tô te seguindo também, linda!
    E já "comiiiiiiii" seu blog. Li um monte!

    Concordo plenamente com o post de hoje. As pessoas não dão valor. E a gente vai se doandooo (não dá pra ser diferente!). Necessito aprender a me doar e não esperar algo em troca.
    Dificuldade, né?
    Enfim, vamos levando. A vida ensina.

    Beijo e cheiro procê.
    Bom resto de semana.

    ResponderExcluir
  3. Quer saber, as pessoas nunca dão valor, por isso temos que aderir o famoso "faça sua parte", faça pelos outros pensando em vc!!
    Lindo aqui
    Agradeço pelo carinho no meu blog, seguindo!
    Beijos

    ResponderExcluir
  4. Nem sempre, mas mesmo assim a gente nunca deve deixar de se doar... =)

    beijos, bom final de semana!

    ResponderExcluir
  5. Estou participando de um concurso literário e preciso de votos. É simples. Se você tiver facebook entre na sua conta e acesse este link:
    http://www.conteconnosco.com/trabalho-detalhe.php?id=622

    Daí é só logar na página do lado direito no topo "login with facebook" e votar no botão vermelho abaixo da foto. Para ir ao texto vai na categoria escrita, na segunda página. O texto é M. de Ricardo Barbosa.

    Conto com sua ajuda!

    Pode votar todos os dias até o final de julho, você também concorre a prêmios.

    ResponderExcluir
  6. Oiee minha flor, td bem?
    Te presenteei com dois selinhos que ganhei.Pelo seu blog ser um blog que faz a diferença!Jesus continue te abençoando grandemente, um bj!Ah...Passa lá no meu blog pra trazer seus selinhos! :)
    http://rosanakarlla.blogspot.com/

    ResponderExcluir
  7. Olá, desculpe invadir seu espaço assim sem avisar. Meu nome é Nayara e cheguei até vc através do Blog "história que me contam na . Bom, tanta ousadia minha é para convidar vc pra seguir um blog do meu amigo Fabrício, que eu acho super interessante, a Narroterapia. Sabe como é, né? Quem escreve precisa de outro alguém do outro lado. Além disso, sinceramente gostei do seu comentário e do comentário de outras pessoas. A Narroterapia está se aprimorando, e com os comentários sinceros podemos nos nortear melhor. Divulgar não é tb nenhuma heresia, haja vista que no meio literário isso faz diferença na distribuição de um livro. Muitos autores divulgam seu trabalho até na televisão. Escrever é possível, divulgar é preciso! (rs) Dei uma linda no seu texto, vou continuar passando por aqui...rs


    Narroterapia:
    Uma terapia pra quem gosta de escrever. Assim é a narroterapia. São narrativas de fatos e sentimentos. Palavras sem nome, tímidas, nunca saíram de dentro, sempre morreram na garganta. Palavras com almas de puta que pelo menos enrubescem como as prostitutas de Doistoéviski, certamente um alívio para o pensamento, o mais arisco dos animais.

    Espero que vc aceite meu convite e siga meu blog, será um prazer ver seu rosto ali.

    http://narroterapia.blogspot.com/

    ResponderExcluir
  8. cada dia é diferente
    "a vida como uma maré"
    bj

    ResponderExcluir
  9. Boa noite flor,
    Ganhei um tarefa de fazer um tag,
    e como as regras pede indicações eu
    te indiquei. Participa por favor.
    Esta publicado em páginas.
    bj minha querida!

    ResponderExcluir
  10. Nunca valorizam. A gente tem mais é que se conformar...

    ResponderExcluir
  11. É assim, também queria que as pessoas agissem comigo, assim como sou com elas.. seria mais fácil, né? Mas acontece que a todo momentos somos opstos a decepções, levamos tapas an cara .. literalmente, de pessoas que menos esperavamos.. Dói. Mas fazer o que se somos humanos e o erro é inevitável ? :/
    Melhoras!

    Beijoss

    ResponderExcluir
  12. Nem sempre o tanto que agente se doa para alguma coisa ou em função de alguem tem seu devido valor

    isso machuca,porem faz agente mudar as ideias se reformular bjks

    ResponderExcluir
  13. é complicdo quando o que mais a gente quer é que alguém de valor!
    E machuca, como machuca!
    Bom, esse textinho serviu certinho pra mim =\
    é complicado.
    Boom, lindo blog meu bem!
    Beijo!

    ResponderExcluir
  14. então o problema será das pessoas, não de quem é generoso, creio...

    ResponderExcluir
  15. Tudo muito interessante por aqui,
    Gostei muito mesmo.
    E te convido para conhecer meu espaço, caso queira dar uma olhada, seguir..;

    http://www.bolgdoano.blogspot.com/

    Muito Obrigada, desde já.

    ResponderExcluir